Não falamos sobre moda, cultura é o nosso foco, poesia nossa inspiração. Sair do lugar comum é como ver o mundo de cima de um salto 15...Vermelho!!!

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Se você me ama...

Bom, para alguns hoje é apenas mais um feriadão, para outros, um dia especial para relembrar os que se foram. Não quero questionar a crença de uns ou "descrença" de alguns, pois temos escolhas. Quanto a mim, prefiro viver de acordo com o texto abaixo, que por sinal, peço desculpas aos que o conhecem, pois escrevi apenas o que recordo dele, a essência. Como já faz algum tempo que o li e não tenho cópias, compartilho o que tomei como base para muitas situações. Mesmo pequenino no tamanho, o conteúdo é imenso e, dependendo do contexto, pode ser um refrigério. Boa leitura.


Se você me ama, mostre-me!
Não espere até que eu morra,
para depois cinzelar
- sobre a tumba fria -
palavras quentes de amor.

Ame-me agora enquanto estou vivo,
enquanto posso reconhecer os seus
sentimentos de ternura e meiguice
que brotam de uma afeição genuína.

Se você encontra alguém 
com sede de água fresca,
tardará em levar? Irá devagar?
Por que negar-lhes o que
a natureza o fez desejar?

Se você pensa em mim com carinho,
por que não o manifesta?
Não sabe que me faria muito feliz?
Há corações sensíveis a sua volta,
carentes de amor e compreensão.

Eu não desejarei o seu amor
quando a erva crescer sobre o meu túmulo.
Não precisarei do seu carinho
no último lugar de repouso.

Por isso, se você me ama,
mesmo que seja pouco,
mostre-me agora, enquanto vivo
e eu o guardarei como um tesouro.


Autor desconhecido



Texto dedicado ao meu pai Evandro Araújo 
(Recife, 03 de setembro de 1928 - Recife, 27 de outubro de 2012). 

3 Devaneios:

Elaine Castro. disse...

Olá,
que texto maravilhoso!!! Concordo com cada palavra, muitas vezes deixamos que a rotina, o tempo ou as mágoas nos afatem de quem amamos... é sempre bom lembrá-los da importância em nossas vidas.
Gostei muito do seu espaço e já estou te seguindo...
Abraços.

LuizG disse...

Se é amor, não sei... mas bate um sentimento gostoso quando leio seus poemas que me sinto protagonista do meu próprio pensar, sentir e agir.

nos vemos por aí, um dia, quem sabe...

LuGus disse...

se é amor não sei... sei que um sentimento gostoso invade meu coração sempre que leio seus poemas... me traz luz. me sinto protagonista do meu pensar, sentir e agir... bjos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons