Não falamos sobre moda, cultura é o nosso foco, poesia nossa inspiração. Sair do lugar comum é como ver o mundo de cima de um salto 15...Vermelho!!!

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Apenas o querer

Procuro palavras, definições...
Mas como classificar o querer sem saber 
como nem o porquê?
Querer que surge do nada, toma forma
e se agiganta.
Consome os pensamentos e coloca 
elevadores no estômago...
Querer sem sentido e base,
Desejar o que não se conhece,
Sonhar com o que nunca se viu,
Buscar explicação para o inexplicável.
Sentimentos sem definição,
Sem lógica ou razão...
Poesia sem rima,
Canção sem acordes,
Composição sem letra,
Apenas o querer...



Diva L.

2 Devaneios:

"(H²K) - Hamilton H. Kubo" disse...

E o que se não as próprias perguntas regadas às inquietações, quem movem o mundo.
A atmosfera do sentir, esta fadado a precisar das dúvidas que se fazem seguir, deste querer que nos assola, mas não assimila que se busca e não se encontra.
Esta é a vida, esta a essência da poesia!

Beijos

Cristovam Melo disse...

...E eu estou procurando palavras pra descrever a magnitude da beleza desse teu poema, Lalinha... Eita!!! Sem dúvida, posso dizer que é lindo!!! Parabéns... Beijos!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons