Não falamos sobre moda, cultura é o nosso foco, poesia nossa inspiração. Sair do lugar comum é como ver o mundo de cima de um salto 15...Vermelho!!!

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Latino por socorro. (Au Au)

Latino??? Que é que o Latino ta fazendo na introdução de um texto do Lex? (sim porque esse texto é meu). Será que ele fez uma Festa no Apê, com o intuito de Bebemorar algo importante, sucumbiu aos efeitos da Catcha Cachaça, ficou Sem Noção, ao ponto de pedir ajuda dizendo “OH Baby Me Leva”? Obviamente que não, isso acontecer comigo? Jamais, até porque a festa era em uma casa não Apê, não tava bebemorando e sim afogando as mágoas com uísque, não era cachaça, e não precisei ser carregado, desabei na sala mesmo. Sim, estou magoado, não com a vida, nem com ninguém, afinal como diz o poeta... “Eu pego, mas não me apego, to virado no azeite, Eu pego, mas não me apego, Vô no rabo do foguete” (Latino).

Lali, é difícil pra mim, mas vou contar, estou dependente do Latino agora. Você, me conhecendo como conhece, sabe o quanto eu estou sofrendo com essa condição, traçada sob o olhar laborioso, lastimável, letárgico, lesado, louco, leishmaniótico, luciferiano (e todas as outras coisas ruins iniciadas com L) do destino. Isso tudo me aproxima da depressão, a propósito to até escutando Maysa, espera vai começar outra música dela... “Meu mundo caiu, E me fez ficar assim, Você conseguiu, E agora diz que tem pena de mim”.


Fui empurrado para essa terrível condição porque perdi meu Banner Lali, se lembra daquele “L” feito com os dedos das mãos, uma tarja preta e um eletrocardiograma? Revirei tudo aqui, vasculhei nos lugares mais apertados, nas pastas mais escondidas, nos arquivos mais sórdidos e nada Lali. Tive que apelar para a net, só encontrei o Latino fazendo o tal “L” com as mãos em todas as fotos que pesquisei, tudo bem que o eletrocardiograma eu dei um jeito de por, quanto a tarja preta... Não precisa colocar, a foto do Latino representa tudo que queremos censurar na vida, já age como uma espécie de tarja preta. Beleza, não ficou tão legal, mas é um improviso enquanto você não acha o meu Banner.

No mais, vou continuar afogando as mágoas aqui, para esquecer essa dolorosa perda, na medida em que o sol se afoga na linha do horizonte do mar e eu me afogo no uísque mesmo, afinal já dizia a canção... “Caía a tarde feito um viaduto, E um bêbado trajando luto, Me lembrou Carlitos...” (foi exatamente para momentos feito esse, que essa canção foi composta).

5 Devaneios:

Diva Lali disse...

I Love LATINOOOOOOOOOOO!!!!

Caracaaaa, o q eu não consegui, o Latino fez rapidinho...kkkk]

Ai ai ai, da próxima vez, Lex querido, dá uma olhadinha no blog. O banner tá guardadinho a espera desse teu cérebro pirado.

Tem coisa melhor do que entrar no blog e esbarrar em um post teu? Nem a mega...rs

Bjo grandeeee e saudadessssss!!!!

Kakau disse...

kkkkkk Que esse Latino é mesmo um
plagiador, copiar um "L" de Lex sem o mínimo pudor! rsrs... e ainda tem aquela história de "Oh Baby me leva", sinto muito, mas não quero levá-lo pra lugar nenhum kkkkkk

Cidadão_pensador disse...

texto profundo, seria dram´tico se nao fosse pelo fim, gostei...

VELOSO disse...

Acho que esse foi a história mais dramatica que vi até hoje ainda bem que terminou tudo bem!

Legionário Surtado disse...

uau!!! Lex... isso teve cara de tembral... se o for, digo: magnifico tembral!!! e se não o fos, digo: magnifico não sei o que lá, magnifico texto!!!
metalinguagem da melhor qualidade...

show, cara!!! nada menos que isso... show!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons