Não falamos sobre moda, cultura é o nosso foco, poesia nossa inspiração. Sair do lugar comum é como ver o mundo de cima de um salto 15...Vermelho!!!

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

SMS: Umas letrinhas não muito inspiradas...


A noite chega
Cá estou eu
Triste, tensa, cansada

Então me deito
E reflito
Tanto problema para nada

Como somos difíceis
Quanta vaidade, orgulho
Posse

Continuo cansada a suspirar
E a desejar que a vida fosse diferente
Apesar da tristeza,
As lágrimas não conseguem cair
A sensação é de sufoco

Minha alma está presa
Enjaulada
Algemada

A dor não consegue sair
O pranto
Recluso

O desejo é de chorar
Permitir-me simplesmente chorar
Pelo medo da morte
Pela perda do amor
Pela falta de tempo
De ser apenas eu

Desejo apenas de ter o alívio
resultante do pranto
intenso,
sofrido,
doído

Minha alma precisa de um canto
Aonde encontre o encanto
E o acalanto
Para voltar a sorrir,
Sentir
E amar.


[Pati]

2 Devaneios:

sarau disse...

Esse poema é a tradução simples e exato do que venha a ser a palavra "Lirismo"... profundamente melancólico, mas de uma beleza impressionante. Parabéns, Pati!!! Beijos, flor!!!

Malu disse...

Pois a alma sempre é capaz de encontrar os lugares mais belos e cheios de encantamento.
Deixo-te um abraço, Diva

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons